segunda-feira, novembro 15, 2010

Flores

Adoro mexer na terra.
Mas o quintal estava praticamente abandonado, entregue ao matagal que reinava absoluto e florido.
Ontem resolvi limpar tudo e tirei nada mais nada menos que oito sacos gigantes de lixo cheios de mato do quintal.
Mas antes de arrancá-los, colhi as flores dos dito cujos e fiz um vaso.
Olha que fofo: um vaso de flores de mato.

2 comentários:

Ana Paula disse...

Coimailinda!

Dalva Maria Ferreira disse...

Fleur-de-lix. (hmmmmm)