terça-feira, fevereiro 23, 2010

Bazar em Curitiba!


Todos convidados!

segunda-feira, fevereiro 22, 2010

Correio Elegante

Valéria e Elaine

Eu realmente me recolho no carnaval. E estar em Curitiba ajuda muito pois, decididamente, esta não é uma cidade de foliões. Os que existem seguem todos para o litoral nesta época.
Este ano, em casa, descansando, zapeando os canais, me deparo com o desfile da Unidos da Tijuca e me surpreendo com um enredo original, bem humorado, traduzido na avenida com muito bom gosto. Conheci e me apaixonei por Paulo Barros, o carnavalesco e pretendo perseguir o trabalho desse moço pois adoro criação de qualidade em qualquer que seja suas manifestações e formas.
Vi o desfile até o fim e, mesmo não tendo assistido ao desfile das demais escolas, torci pela Tijuca até a apuração do último volto. E vou te contar, foi divertido.

quarta-feira, fevereiro 17, 2010

É campeãããããããããããã!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Unidos da Tijuuuucaaaaaaaa!!!!!!

Votação das Escolas de Samba V

Fantasias se Tijuca nao levar 10 de todos os julgadores é marmelada!
...
Comissão de frente também!
...
Acabo de ouvir um "filho da puuutaaa!" bem sonoro depois do voto.
...
Tudo que diz respeito diretamente ao trabalho do Paulo Barros tá levando 10 em tudo na Tijuca.
...
Passamos a Beija Flor! Tamo na freeeente!!!!
...

Votação das Escolas de Samba IV

O que você espera do voto de alguém que chama Tito Canha?
...
O pessoal da arquibancada tá derretendo. Água neles.
...
Beija Flor e Unidos da Tijuca continuam empatadas no primeiro lugar.

Votação das Escolas de Samba III

Caraio, 9,9 para Tijuca. Beija flor pulou na frente.
...

Votação das Ecolas de Samba II

Gente, fica a fota do julgador no alto da tela. Pra você saber quem pegar na saída, só pode.
...
Unidos da Tijuca em primeiro!!!!!!!!! Empatados com Beija Flor.
...

Votação das Escolas de Samba

Unidos da Tijuca e Beija Flor empatados em segundo lugar atrás da Mangueira.
Piadinhas são permitidas.
...
Não será em harmonia que a Mangueira vai perder o primeiro lugar, convenhamos né?
...

Garantindo a canjinha da creonças

Então que acabou-se o carnaval, né?
Sabe lá? Então, tem coisa.

segunda-feira, fevereiro 15, 2010

Rabugices - as usual

Tem um negócio que me incomoda todo carnaval.
A mania que as cidades do Brasil têm de imitar o carnaval da Sapucaí. O carnaval da Sapucaí é único, carrega uma tradição de décadas que permitiu o desenvolvimento de uma produção profissional e eficiente apoiado por verbas milionárias. Impossível querer replicar o esplendor daqueles carros alegóricos e fantasias. A tentativa de imitação resulta num visual primo-pobre-deprê. Não vou assistir nem pra ganhar dinheiro.
Cada cidade que resgate sua identidade, que faça seu carnaval de rua de acordo com sua origem, cultura e humor característicos. Essa macaquice pobre leva apenas um prêmio: troféu nota 10 em vergonha alheia.
Os carros alegóricos do Paulo Barros feito com pessoas é o máximo!
O Pavão arrasou!

Aqui me tens de regresso

Houve um tempo que eu ficava acordada pra ver as escolas na Sapucaí. Torcia, tinha minhas preferidas, sabia os enredos todos.
Hoje, estou acordada assistindo e adorando.
...
Unidos da Tijuca com o enredo "É Segredo" estou adorando!
...
Comissão de frente ma-ra-vi-lho-sa!
....
Triângulo das bermudas...hahahhahahahahahahhahah! Um triangulo cheio de bermudas coloridas penduradas! hahahahahahah! amay!



domingo, fevereiro 14, 2010

Correio Elegante

Aninha, nenhum problema você não gostar do Taranta. Eu acho os filmes dele demais e, pra mim, estão na categoria do Woody Allen, ou seja, o pior filme dos dois ainda é um bom filme.

Adorei o filme do George Clooney, aquela estranheza e inadequação, o medo, a covardia e a total falta de tempo em terra que torna a própria vida em eterna suspensão me fascinou. Estou louca pelo livro.

O au-au lindo e fofo abaixo é da Marisa, amiga do Tiago que agora é minha amiga, que vive em Campinas e vem visitar a familia no feriado e aproveita pra tomar café comigo.

Essa minha lista do Oscar é mais de torcida que de aposta. Eu tomo de lavada todo ano. Mas torço que nem uma louca.
bejos

Voltando às origens

A gente vem de uma linhagem escocesa legítima, séculos de gerações dedicadas à caça, e mamãe faz a pilantragem de me criar num apartamento em cidade grande!
Mostrei pra galera a força do meu pedigree e construí uma batcaverna digna de tatu-bola.
Mandei bem.
Vicente - a toupeira.


Marisa, a mamãe do Vicente



Vicente, o cãozinho toupeira

quinta-feira, fevereiro 11, 2010

A sétima arte

Não sou entendida de cinema. Não possuo autoridade alguma no assunto. Minha opinião não passa disso: minha opinião.

E essa opinião é baseada no método mais científico do mundo: o que gosto e o que não gosto. E em alguns casos, o que prefiro.

Retirei da lista original as premiações técnicas que menos me interessam, os documentários dos quais não vi nenhum, etc. Só estão abaixo os que falam ao meu coração.

Dito isso, falemos daquele prêmio que é deles, portanto os critérios todos são deles, a decisão é deles e só nos cabe fazer o que fazemos melhor: meter o bedelho e mandar pitaco.

A eles.


Melhor filme

"Avatar"

"Um sonho possível"

"Distrito 9"

"Educação"

"Guerra ao terror"

"Bastardos inglórios"

"Preciosa"

"Um homem sério"

"Up – Altas aventuras"

"Amor sem escalas"


Acho desigual UP - Atas aventuras concorrer nas duas categorias. É lindo, amei demais, e acho que pode sim concorrer como melhor filme. Mas concorrer também como animação me parece um tratamento desigual. Pra mim ou concorre como animação ou como filme.

Avatar pra mim é um belíssimo evento, uma festa para os olhos, diversão garantida.

Guerra ao Terror e Amor sem escalas são filmes maravilhosos que certamente farão parte da minha videoteca.

Mas meu preferido é Bastardos Inglórios do meu adorado Tarantino e aposto nele todas as minhas fichas. E antes que alguém diga que torço pro Taranta incondicionalmente, saiba que reconheço o Oscar do Forrest Gump em cima do maravilhoso Pulp Fiction. Lamento demais, mas reconheço. Mas este ano eu analiso de perto todos os filmes, aquela velha arte de se contar uma história, e não vejo outro cara subindo os degraus pra pegar a estatueta senão o velho e querido queixada. E eu vou estar neste momento chorando feito uma caipora véia.



Melhor direção
James Cameron, “Avatar"
Kathryn Bigelow, “Guerra ao terror”
Quentin Tarantino, “Bastardos inglórios”
Lee Daniels, “Preciosa”
Jason Reitman, “Amor sem escalas”


Acho que aqui a briga está entre os 3 primeiros. Minha torcida é pro Tarantino pois não consigo desvincular a premiação de filme e diretor, acho sempre que o melhor filme deve ganhar a melhor direção, pois a melhor história leva junto quem contou a melhor história. Mas pra mim a ex do Cameron tá mais forte que ele na briga com o Tarantino nessa categoria


Melhor ator
Jeff Bridges, “Coração louco”
George Clooney, “Amor sem escalas”
Colin Firth, “A single man”
Morgan Freeman, “Invictus”
Jeremy Renner, “Guerra ao terror”


Torço para Morgan Freeman nesta primeira indicação ao Oscar de melhor ator (ele só foi indicado e ganhou como coadjuvante até agora) fazendo o papel de Mandela. Invictus é delicioso, feito pela maravilha do Clint e pra mim a única séria concorrência a Morgan nesta categoria é Jeff Bridges.


Melhor ator coadjuvante
Matt Damon, “Invictus”
Woody Harrelson, “The messenger”
Christopher Plummer, “The last station”
Stanley Tucci, “Um olhar do paraíso”
Christoph Waltz, “Bastardos inglórios”


Meu deus, meu deus, meu deus! Ele já ganhou o Globo de Ouro, mas não espero outro ganhador nesta categoria que não seja Christoph Waltz. E espero ver o Coronel Landa subindo as escadas, agarrando a estatueta e gritando: Bingo! E olha lá eu chorando de babar.


Melhor atriz
Sandra Bullock, "Um sonho possível"
Helen Mirren, “The last station”
Carey Mulligan, “Educação”
Gabourey Sidibe, “Preciosa”

Meryl Streep, “Julie & Julia"

Desculpe o trocadalho mas nunca pensei que Sandra Bullock concorrer a melhor atriz fosse um sonho possível. Mas este ano é e, convenhamos, ela fez por merecer. E quer saber? É capaz até de ganhar. Mas fico com a velha e querida Meryl, campeã de indicações mas que levou somente 2 prêmios até hoje e a academia já tá devendo demais a ela.



Melhor atriz coadjuvante
Penélope Cruz, “Nine”
Vera Farmiga, “Amor sem escalas”
Maggie Gyllenhaal, “Coração louco”
Anna Kendrick, “Amor sem escalas”
Mo’Nique, “Preciosa”


Fico com Ana Kendrick.


Melhor animação
“Coraline”
“O fantástico Sr. Raposo”
“A princesa e o sapo”
“O segredo de Kells”
“Up – Altas aventuras”


Apesar de Coraline ser lindo, este prêmio é do Up.


Melhor filme estrangeiro
Ajami”
“El secreto de sus ojos”
“The milk of sorrow”
“Un prophète”
“A fita branca”


Só tenho algo a dizer: Cadê o Almodóvar daqui????


Melhor direção de arte
“Avatar”
“O mundo imaginário do Dr. Parnassus”
“Nine”
“Sherlock Holmes”
“The young Victoria”


Esta é a premiação mais merecida ao Avatar. O reconhecimento à criação de um fantástico e maravilhoso mundo de elementos tão imaginosos e ao mesmo tempo tão críveis que queremos nos mudar pra lá. De mala e cuia. James Cameron leva.


Melhor maquiagem
“Il Divo”
“Star trek”
“The young Victoria”


Este prêmio é do Star Trek.


Melhor trilha sonora
“Avatar”
“O fantástico Sr. Raposo”
“Guerra ao terror”
“Sherlock Holmes”
“Up – Altas aventuras”


Up leva.


Melhor canção
“Almost there”, “A princesa e o sapo”
“Down in New Orleans”, “A princesa e o sapo”
“Loin de Paname”, “Paris 36”
“Take it all”, “Nine”
“The weary kind”, “Crazy heart”


Crazy heart leva.


Melhor roteiro original
“Guerra ao terror”
“Bastardos inglórios”
“The messenger”
“Um homem sério”
“Up – Altas aventuras”


Torço para Tarantino e só reconheço outro roteiro se este for Up.

Melhor roteiro adaptado
“Distrito 9”
“Educação”
“In the loop”
“Preciosa”
“Amor sem escalas”


Amor sem escalas na cabeça.

Melhores efeitos visuais
“Avatar”
“Distrito 9”
“Star trek”


Adivinha? Avatar.


Garantindo o uisquinho das creonças

Vai e confere!

Tocando a boiada

Gostaria de viver de acordo comigo.
Fazer menos concessões. Agir e deixar de agir somente em função do que que quero e acredito.
Tarefa que me parece cada vez mais impossível.

quarta-feira, fevereiro 03, 2010

João Paulo II e a autoflagelação

"Segundo a vertente mais mística do catolicismo o sofrimento corporal é visto como uma prova de aproximação do fiel ao martírio de Jesus Cristo"

Li isso numa revista semanal e pergunto: o que pensar sobre o assunto?
Considerando que o catolicismo acredita ser JC o filho de Deus, querer se aproximar dele em sofrimento é querer parecer JC. Querer parecer é querer ser. Então, em última análise, este autoflagelo é uma refinada forma de soberba.

Uma forma de soberba disfarçada em dor e sacrifício. Eu me penitencio. Eu me machuco. E provoco a minha própria dor e sou perfeitamente capaz de suportá-la. Tão capaz quanto foi JC. Sou, portanto igual a ele. Por conseguinte, melhor que vocês todos.

A figura do Papa é a infalível representação de Deus na terra perante os católicos. João Paulo II granjeou posto melhor. Tentou ser JC. Não deu certo. O máximo que conseguirá será reforçar o politeísmo velado de uma religião que prega ter um único deus e lança um santo por ano.