quarta-feira, fevereiro 25, 2009

Reclame


Não consigo estar por aqui porque estou por o tempo todo.
A promoção de frete continua e espero que vocês continuem aproveitando bem muito!

terça-feira, fevereiro 24, 2009

Será?

Os EUA perderam um satélite de 280 milhões de dólares que seria lançado com a finalidade de medir a poluição por dióxido de carbono.
Considerando que os EUA são os vilões das últimas décadas em emissão de gases poluentes, alguém mais pensou em auto-sabotagem ou foi só eu?
Nada não. Delírio.

Tanto barulho por nada

Sou a última a falar sobre o assunto, eu sei.
Minissérie da Maysa.
Meteram o pau dizendo da pouca fidelidade aos fatos, omissão de personagens, o escambau.
Pra mim foi apenas uma homenagem que o Jaime Monjardim fez à mãe dele.
Do ponto de vista dele.
Com os recursos que ele tem.
Com o veículo que ele tem acesso.
Os fatos, as pessoas e o rigor histórico está na biografia.
É só ler.

Pontuando

Este feriado está sendo dedicado o trabalho e aos filmes. Modos que promovi substancial lucro à locadora. Então é assim: eu trabalho, assisto filme e durmo. Não necessariamente nesta ordem.
...
Consultoria funciona assim: o cara descobre uma fórmula que resolveu o problema numa determinada empresa e quer vendê-la a todas as outras garantindo resultado. Sem nem pesquisar o modus operandi e histórico da casa.
Se nem a base líquida que faz milagres na cara da Xu resolve nada na minha ô mané, comé que você pode pensar que isso dá certo?
...
A moça do Sex and the City usa colar de pérolas longo até pra dormir, gostei disso. Vocês todas botando colar em cima das mudinhas (by Fal)! Já!

terça-feira, fevereiro 10, 2009

As alegrias que o Google me dá - melhores momentos

O que digitaram no oráculo pra cair aqui:

Transformou a água em vinho e o pão em linguicinha - Isso que eu chamo de melhoria!

O que significa calça frouxa - bem...

O mo deu o mo pai - Esse já estava cansado de procurar o que queria.

Livro do onesto onde comprar - Fica ali, ó: ao lado da gramática e do dicionário.

Gostosas de roliude - Francamente...

Como abrir o banheiro do avião - Será que ele levou o laptop lá pra dentro? E consegue conexão?

Eu quero fazer curso pra pobre - Esse perdeu toda a fortuna, coitado. É difícil, eu sei. Fala comigo que te dou umas altas dicas.

domingo, fevereiro 08, 2009

Promoção!




tem promoção de frete.
Junte as amigas e aproveite!

Aviso aos Idiotas

Quando você não gosta e/ou discorda de um blog, você simplesmente não lê mais.
Ficar vasculhando histórico, comentar anonimamente posts de 3 anos atrás, visitar várias vezes por semana e xingar, xingar e xingar num péssimo português denuncia várias coisas:

Primeiro: Você adora isso aqui e não pode mais viver sem.
Segundo: Pela sua ortografia e concordância (não sei se você vai conseguir entender do que se trata, consulte o google) você até gostaria de ter seu próprio blog, mas nunca será capaz
Terceiro: Você tem muito pouco o que fazer. Pelo menos nada que seja importante. E menos ainda o que dizer.
E por último, e não menos importante, burrice é um mal sem remédio. Lamento pelos que vivem à sua volta.

Reclamações? Aqui.

A falta de noção parece ser o mal do século. Se não o for, pelo menos é o que me atinge de forma mais brutal.

Não suporto:

. Vegetarianos/vegans que derramam sua decisão em cima dos circunstantes como se fosse problema/responsabilidade deles. Se você é vegetariano e vai passar dias na praia com um grupo, providencie, leve e prepare sua própria comida seu mala! Um grupo de 8 pessoas não tem obrigação de mudar seus hábitos por sua causa.

. Pais que levam crianças em visita a casa de quem não tem crianças. Isso dá um livro! Teu filho é maravilhoso. Ok. Mas o é principalmente pra você. Para levá-lo à casa de alguém, você deve ter muuuita intimidade com a pessoa visitada e (importante!) a visita deve ser breve. Casal que decide ter filhos deve saber de antemão que sua vida social será limitadíssima nessa fase e não, vocês não tem direito de empurrar seu filho pras avós pra poderem frequentar barzinhos e festas. Se tem babá que cuide, ok. Se não, fique em casa. Faz parte de ser pai/mãe.

. Gente que espera sua vez na fila (enorme!)pra fazer toda sorte de perguntas cujas respostas estão num cartaz gigantesco na frente delas. Ex. Cartaz de itinerário de ônibus, gigante, com TODOS os horários, destinos e preços afixado na parede. Aí a bonita pergunta: que horas tem onibus pra tal lugar? qto custa? car*io!

quinta-feira, fevereiro 05, 2009

Correio

Aninha, afemaria que na Irlanda só tem home bão!
....
Nenéia e Ana
Lavei e exaguei no confort minha alminha pecadora.
Com todos as minhas quizumbas com o divino, acho que um trem desses não acontece de novo comigo.
E aí os moleques ficam me zoando:
- Vc podia ter mostrado o dedo do meio!
- Vc podia ter perguntado se o nenem era do padre da paróquia!
Ahh as oportunidades que desperdiçamos...

quarta-feira, fevereiro 04, 2009

É velhice galopante. Só pode!

Eu não faço barraco. Nunca.
Até quando eu estou muito puta, com razão, e passam dos limites comigo, eu digo a essas pessoas coisas às vezes muito duras mas sempre num tom baixo onde ninguém mais participe do processo.

Mas...

Strudia uma bombástica combinação de tpm + calor escaldante + aporrinhações com idiotas do trabalho detonou a seguinte situação:

Fila de banco. Meio dia. Eu sem almoço. Com fome.
14 pessoas na minha frente. Eu contei.
Olho pro lado e uma freira na fila dos idosos.
Ela seria a próxima a ser atendida e havia 3 velhinhos atrás dela.

Fixei o olhar até que ela se virasse (aquele pano na cabeça não deixa ver nada) e constatei que a idade dela não era superior à minha nunquinha.
Baixou o caboclo barraqueiro.
Como a minha fila serpenteava banco afora, e eu estava bem numa curva, fiquei do ladinho dela e perguntei:
- A senhora é gestante?
- ...
- Sim, porque não tem "freira" escrito na placa. Aliás tem 3 pessoas atrás da senhora com credenciais legítimas para estarem nessa fila e a senhora está tomando o lugar deles!
Nesse momento a pessoa que estava sendo atendida sai e eu falo ao caixa:
- Se o senhor atendê-la eu entro nessa fila agora! E aí o banco vai ter que manter fila pra religiosos, advogados, gays e etc!

A freirinha sai rapidamente da fila em direção à saída do banco e ao passar por mim se benze. Aproveito e faço uma careta pra ela.

Saldo da situação:

1 - Adorei ter perguntado se ela era gestante:)))))
2 - Não sei de onde eu tirei a fila de gays, mas adorei ter botado a fila deles do lado da dos religiosos :)))))))))
3 - Lamentei demais o fato de bancos não possuírem bacias de água benta pois seria o momento ideal dela começar a ferver;
4 - Ninguém teve coragem de se manifestar publicamente ao meu favor, mas não teve macho o bastante pra me criticar.

Anotação mental: não voltar a frequentar bancos de uma forma geral na tpm e aquela agência em especial dia nenhum.

P.S. Eu te amo


O Hugo pediu pra que eu locasse.
Achei o título meio assim, mas a atriz me animou.
Vamos ver se ela mantém o Oscar, né? Foi o pensamento canalha que tive.
Amei cada cena.
Saldo do filme:
- Fiquei com uma vontade louca de fazer um curso de sapatos;
- Preciso visitar um pub onde se toque músicas folk;
- Decididamente a vida não é justa;
- Já disse à Carol: vamos visitar a Irlanda i-me-di-a-ta-men-te.

segunda-feira, fevereiro 02, 2009

Correio

Nego não, Anne.
Acho significativo e muito. O caminho percorrido para tal não foi pequeno nem fácil e não faço pouco disso de jeito nenhum. Ainda mais sendo nos EUA.
O que me indigna é a tábua rasa.
É limitar coisas assim a uma representação de raça. A vinculação compulsória.
Isso me deixa doente.
Obrigada pela visita!

domingo, fevereiro 01, 2009


Pra Jane e pra Tati com amor.