quarta-feira, maio 14, 2008

Tônio, querido! Eu morro de saudade de lutar contigo no gel por causa do Alexandre. Morro.
beijos sempre!

Nenhum comentário: